Archives post

29Jan
Coluna Dominical

Que os bons ventos o levem!

Assista o clipe deste Conto Fotográfico clicando em https://youtu.be/aWQ6rY4ZO7E

Luis Felipe Nascimento

– 29 de janeiro 2017

Partimos de Porto Alegre em busca de novas terras, mas os ventos desviaram nossa embarcação para um local distante. Perdidos, navegamos até encontrar uma praia onde os recifes separam o um rio do mar, formando um “porto seguro”.

Lá chegando, conhecemos um cidadão que se identificou como Cabral. Disse que foi ELE quem descobriu esta terra, e assim que chegou colocou a placa de “Propriedade Particular”. Perguntei se a terra não seria dos Tupiniquins, antigos habitantes? Ele respondeu que existe uma pendência judicial no STJ, mas uma liminar lhe garante o direito de ser o “descobridor” de uma terra onde viviam indígenas. Há quem diga que o Senhor Cabral chegou a Porto Seguro graças as dicas do Trip Advisor.

Inicialmente o seu negócio era exportar Pau Brasil, mas hoje é responsável pro 95% do cacau produzido no Brasil. Conta que os portugueses adoravam construir igrejas e casas coloridas. No Centro Histórico está a Igreja da Nossa Senhora da Pena, que foi construída em 1535,  e lá está o Marco do Descobrimento.  Próximo a praia está a “Passarela do Descobrimento”. Quando os pais estão de saco cheio dos filhos, mandam eles para beber TODAS em Porto Seguro e para fazer o que não fazem nas suas cidades, e assim surgiu a “Passarela do Álcool”.

Porto Seguro é uma cidade linda para ser fotografada. Nas janelas abertas ficam as namoradeiras, segurando a cabeça com as mãos. O Sr. Cabral nos recomendou visitar a Praia do Espelho, distante 1h45min ao norte de Porto Seguro, e um povoado chamado Trancoso. O famoso “Quadrado de Trancoso” é um local lindo e indicado para um jantar a luz de velas, mas leve junto um saco com moedas de ouro.

Voltando para Porto Seguro encontramos a Praia de Araçaípe, distante 3 km do centro de Arraial d’ Ajuda. Só tranquilidade e beleza. Caminha tinha razão! A natureza é exuberante e generosa. Ancoramos e passamos uma semana convivendo com pessoas simpáticas. Infelizmente o Senhor Cabral teve que viajar para visitar um parente que foi preso do Rio de Janeiro.

A nossa escrivã, como não tinha “pena” para escrever, então fez relatos fotográficos para compartilhar com os amigos. Fica a dica do Senhor Cabral, Arraial d’Ajuda é um bom destino para as suas próximas férias. Que os bons ventos o levem!

Texto de Luis Felipe Nascimento, fotos de Marli Knorst e participação especial de Lucas e Gabi.

21Jan
Coluna Dominical

Inovação na Igreja: Confissões pela Internet

(Divulgação não autorizada pelo Vaticano e de inteira (ir)responsabilidade do autor) – 22 de janeiro de 2017 Luis Felipe Nascimento (*) Talvez você nunca tenha entrado num confessionário. Sabes...

15Jan
Coluna Dominical

Não, sem dizer “não”!

– 15 de janeiro de 2017 Luis Felipe Nascimento (*) Você já deve ter dito e recebido alguns “não” na vida, certo? Concordas que é difícil de dizer e muito ruim de ouvir um “não”?...